Escolha uma Página

Antes de você pensar em como estudar para concursos, como estudar para o enem ou se dedicar a qualquer outro desafio que almejas, deves refletir primeiro qual a real razão pelo qual você faz o que faz e por que você almeja tais coisas. Sei que tais perguntas pareces óbvias, mas é impressionante a nossa total falta de clareza em saber de fato do por que fazemos o que fazemos; a grande maioria de nós fazemos as coisas no piloto automático sem a mínima reflexão, traçando longos caminhos perdidos em meio ao processo e sem direção certa de onde se quer chegar, desta maneira, exatamente desta forma frequentemente decidimos as faculdades, pós-graduações, empregos, concursos e todo o resto das nossas vidas. Não sabemos com profundidade o motivo pelo qual fizemos essas escolhas e isso resultará em anos de nossas vidas desperdiçados e sem gerar o real resultado que promoveria a felicidade almejada, embora existam diversos pontos que também refletem neste contexto, quero que você reflita:

Por que você quer isso que está fazendo?

Qual o real objetivo afinal de tudo isso?

O senso de propósito é um dos grandes pontos chaves para uma boa trajetória de estudos e dedicação de maneira geral para que consigas ter motivação para continuar, por isso, tenha claramente qual o seu real propósito, quem sabe você não esteja escolhendo, por exemplo, o concurso público, dedicando anos de suas vidas e ele na verdade não está alinhado ao que realmente te fará feliz. A clareza lhe guiará sobre o melhor caminho e o melhor caminho é o que lhe fará feliz acima de tudo.

O que de fato lhe faz feliz? Basta você revisitar sua memória, pense nos momentos mais felizes da sua vida, com certeza eles terão amigos e familiares. Segundo uma grande pesquisa da universidade de Yale, amigos e família são as maiores fontes de felicidade longeva.

Acredito que já tenha lhe ajudado a ter mais clareza do seu propósito e com isso agora você saberá o que deve ser de fato sua “prioridade” e assim poderás focar sua energia, pois, saberá a finalidade de tudo e de toda a sua dedicação afinal.

“A aprendizagem requer clareza assim como a felicidade”

Vá em frente sabendo o real motivo de todo o seu esforço. Você vai conseguir!

 

Este artigo ajudou você de alguma forma? Comente abaixo o que achou do nosso artigo. Grande abraço e até o próximo artigo.

 

Autor: MSc. Cleiton Mendes Lopes. Mestre em Neurociências e Biologia Celular (Ufpa). Pós Graduado em Neurologia Clínica (Hospital Albert Einstein-SP). Membro da Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento (SBNeC).